quinta-feira, 15 de julho de 2010

Aaaah o ser humano...

Bom, todos que me conhecem já sabem da minha revolta com a humanidade e com a sociedade principalmente.

Foi conversando com um amigo igualmente revoltado que resolvi escrever este post, que parece ser meio repetitivo em vista das coisas que costumo falar, mas é algo que martela em minha mente e na minha essência.

A humanidade...reles humanidade. Ser "racional", mas que parece mais irracional do que qualquer animal existente no planeta.
Essa raça infeliz destroi o planeta, mata, rouba, estupra, faz mal aos seres da propria especie!! que animal faz isso?

A cada dia que passa eu penso: porque a vida é assim? porque é tao dificil? porque o mundo é dessa forma? porque a humanidade não evolui?

Ai cheguei a uma conclusão: Não adianta, se eu continuar pensando nisso vou ficar louca.

E olha...aceitei...que a maior parte da humanidade é estupida e alguns poucos seres em evolução não têm poder de mudar isso...então pra que ficar pensando? é melhor aceitar que a vida é assim.

E sabe, até que to me sentindo bem com isso.

É uma filosofia de vida sabe...ja tentei ser otimista, ja tentei ser deprimida...mas nada disso funciona, o negocio é aceitar! não me corromper...jamais! quero continuar com meus principios! mas o jeito é parar de se revoltar com a falta de principio dos outros!


Não pense que isso é um papo de uma pessoa deprimida e revoltada com a vida...ao contrario...aceitar as coisas como são é a melhor forma de nos vermos livres de falsas ideologias.

Ai você fala: mas você não vai mais lutar pelos seus principios? e eu respondo: claro!! mas uma coisa é lutar enquanto você sabe que pode, outra é bater na mesma tecla quando sabe que não vai funcionar? entendem? é algo mais profundo do que parece...

6 comentários:

Chado disse...

eu sou contra ao comodismo, mas também num tenho que aceitar nada com nada, se isso me afeta eu digo, grito, xingo e faço o escambal, enfim hoje é um dia revoltante cheio de revolta, por conviver e viver com pessoas que me revoltam, ja que odeio ficar revoltado
enfim a vida é revoltante um dia talvez eu encene um dia de fúria no brasil quem sabe

ElfaAzul disse...

eita kkkk

Sitanel disse...

O caminho é mais ou menos esse mesmo, se não houvesse desmatamento e regime de escravidão, não teria coisas tão baratas para importar de Hong Kong.

Deixando isso de lado, o importante é estar Zen para tudo e fazermos somente o que está ao nosso alcance.

Eu não mato, não roubo, não estupro, não desmato, não devo a ninguém além do cartão de crédito. Durmo tranquilo.

Nos preocupar somente com o que nos diz respeito é uma dica, até mesmo porque se alguém bate no meu carro, quem tem de se preocupar é ele, e assim eu ganho essa luta sem precisar desferir um soco no capo de ninguém.

Mas é sinistro manter a calma em horas como essa, só mesmo os melhores conseguem...

Thomaz Yago disse...

Sorry, mas eu discordo. Não preciso,não quero e não vou aceitar essa sociedade...

ElfaAzul disse...

Tb nao vou aceitar...

Sitanel, se vc ver bem vc desmata, pois usa papel e come carne, vc escraviza pois sempre compra alguma coisa feita pelos chineses...infelizmente td mundo ta nesse circulo.

ElfaAzul disse...

O que eu quis dizer é...aceitar o ser humano entendem? não as coisas que acontecem, mas aceitar que o ser humano é esse ser estupido que é...fazer o que...

Postar um comentário